Adema e Pelotão Ambiental ampliam esforços no combate a crimes ambientais

O combate a crimes ambientais é uma das prioridades do Governo do Estado. Para isso, a Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) e o Pelotão da Polícia Ambiental (PPAmb) planejam reforço efetivo nas atividades conjuntas para prevenção, mitigação e repressão a ações ilícitas que agridam o meio ambiente. Os órgãos também atuarão de forma integrada na conscientização da sociedade para que a mesma entenda a importância de cuidar e preservar a natureza.

“O enfrentamento ao crime ambiental é pauta crucial na agenda do Governo do Estado. Precisamos estar unidos a outros importantes órgãos ambientais, isso inclui, também, novos planejamentos”, disse a diretora-presidente da Adema, Deborah Dias.

Uma das importantes frentes da Adema será o trabalho de instruir e sensibilizar empreendedores a respeito das melhores práticas ambientais, além de cobrar a obtenção da regularização ambiental, contribuindo para a melhoria ambiental do Estado.

Além do trabalho preventivo, uma linha de atuação fundamental é a repressão às infrações ambientais, que conta com a parceria do Pelotão da Policia Ambiental. A prática reiterada dessas infrações será atacada com a resposta necessária para estancar as degradações. Esse tipo de ação é comum contra o tráfico de animais silvestres, por exemplo, e o combate ao desmatamento.

“A cooperação entre os órgãos é imprescindível na busca de um meio ambiente equilibrado. E, em razão disso, o compromisso firmado entre o Pelotão de Policia Ambiental e a Adema denota um marco importante no combate aos crimes e Infrações ambientais no estado de Sergipe”, pontuou a tenente Vanessa Oliveira, comandante do Pelotão de Polícia Ambiental.

Denúncias

As denúncias para crimes ambientais devem ser feitas por meio do disque-denúncia pelos seguintes números: 79 3198-7150 (Adema) e 79 3248-8306 (Pelotão Ambiental).

 

Última atualização: 3 de fevereiro de 2023 10:17.

Pular para o conteúdo