Adema firma cooperação com a Jucese para utilização do Agiliza Sergipe

Novo sistema de licenciamento ambiental será implementado para integração de serviços e otimização de processos

Uma cooperação técnica assinada entre a Administração Estadual do Meio Ambiente e a Junta Comercial de Sergipe (Jucese) possibilitará a utilização pela Adema do Agiliza Sergipe como novo sistema de licenciamento ambiental. O objetivo é modernizar, digitalizar, simplificar e conferir maior agilidade aos serviços prestados pela autarquia estadual.

Além de possibilitar solicitações e consultas de forma 100% digital, quando em funcionamento, o novo sistema de licenciamento ambiental deverá assegurar, de forma permanente e coordenada, o intercâmbio e a integração dos processos, de informações cadastrais de registro e de licenciamento com a Jucese. Sua implementação está prevista para se iniciar em cerca de 60 dias e será operacionalizada ao longo de 18 meses. Durante esse período, será realizada a migração de todas as informações e banco de dados do atual sistema para o novo.

De acordo com o presidente da Adema, George Trindade, a cooperação é um marco para a modernização do órgão ambiental. “Este é um momento histórico para a Adema. A partir de agora poderemos utilizar o Agiliza Sergipe, que é um sistema adotado pela Junta Comercial e que possui grande êxito na celeridade das análises e liberação de processos de forma totalmente virtual e digital. É motivo de muita alegria para a Adema e para mim, como presidente, saber que, em breve, poderemos disponibilizar uma ferramenta atual, ágil e que vai trazer muitos benefícios ao sistema de licenciamento ambiental do nosso estado”, comentou.

Para a presidente da Jucese, Jocelda Fonseca, com a parceria a Junta Comercial contribui com a melhoria do ambiente de negócios de Sergipe, exercendo o seu papel de órgão integrador. “Nosso objetivo é entregar sempre o melhor à sociedade. Então, fazendo parcerias como essa a gente está dando a possibilidade de dar continuidade ao uso desse sistema, e desfrutar da eficiência e da eficácia dele também no órgão de destino. Então, fico muito feliz. É um avanço importante, a partir do qual vem muita coisa boa por aí”, concluiu.

Última atualização: 22 de abril de 2024 12:19.

Pular para o conteúdo