Equipe de fauna resgata animais silvestres no fim de semana

Iguana, tamanduá-mirim e socó-boi foram avaliados clinicamente pelos profissionais

No último fim de semana, as equipes de fauna da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) foram acionadas para efetuarem o resgate de animais silvestres na capital e no município de Nossa Senhora do Socorro, no Território da Grande Aracaju.

No bairro Industrial, Zona Norte da cidade, a equipe resgatou uma iguana (iguana iguana) que encontrava-se escondida dentro de um fogão, na cozinha de uma residência. Na avaliação, constatou-se que era um réptil juvenil, pesando aproximadamente 150 gramas e medindo 70 cm de comprimento. Por estar saudável e sem nenhum problema, o animal foi solto em área de reserva ambiental.

Ainda na Zona Norte, porém no bairro Porto D’anta, os profissionais do órgão resgataram um Tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla) que havia sido contido dentro de uma lavanderia em uma residência. Feita a avaliação clínica, o mamífero não apresentava nenhum de tipo de lesão e foi posto à soltura em área de reserva ambiental.

Nas dependências de um condomínio residencial do Conjunto Fernando Collor, no município de Nossa Senhora do Socorro, uma das equipes efetuou o resgate de um Socó-boi (Tigrisoma lineatum). Após a avaliação clínica, foi constatado que apesar de ativa e saudável, a ave estava com dificuldades para voar, tendo sido encaminhada ao Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas), no Zoológico localizado no Parque da Cidade, onde receberá os cuidados necessários.

A Adema orienta à população que ao encontrar algum animal silvestre, deve manter contato com a equipe plantonista do órgão através do telefone (79) 99191 5535. O mesmo se aplica para a entrega voluntária ou denúncia de animais mantidos em cativeiro sem a devida licença ambiental ou que estejam sofrendo maus tratos, ressaltando que a identidade do denunciante será preservada.

Última atualização: 18 de agosto de 2021 09:54.

Pular para o conteúdo