Adema adquire novos equipamentos para sala cirúrgica do Cetas

Visando melhorar o atendimento e os cuidados aos animais silvestres resgatados ou recebidos pelas suas equipes de fauna, a Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) adquiriu novos equipamentos para a sala de pequenas cirurgias do Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas).

Para auxiliar nos procedimentos dos animais debilitados e que necessitam de cuidados específicos, foram adquiridos uma pequena mesa cirúrgica regulável de aço, um canil de ferro que suporta até sete animais, além de um kit de instrumentos cirúrgicos com 30 peças e um microscópio, estes dois últimos serão recebidos nas próximas semanas.

Segundo o médico-veterinário da Adema, Daniel Allievi, a compra desses equipamentos é uma grande vitória para o Cetas de Aracaju. “Dispomos de um corpo técnico muito dedicado e comprometido com o ofício. A aquisição desses materiais trará um avanço considerável nas atividades realizadas pelos profissionais. Como já desenvolvi atividades em outras unidades de Cetas, posso afirmar que o nosso já é o mais completo de Sergipe e tem tudo para se tornar um dos mais equipados do Brasil.”, afirma.

Adema adquire novos equipamentos para o Cetas

Objetivando melhorar o atendimento aos animais silvestres aprendidos, recebidos e resgatados pelas suas equipes de fauna, a Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) adquiriu novos equipamentos para auxiliar nos cuidados clínicos dos bichos que são encaminhados ao Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas), localizado no Parque Governador José Rollemberg Leite (Parque da Cidade), localizado no Bairro Industrial, na Zona Norte de Aracaju.

Para complementar o auxílio clinico dispensado aos animais encaminhados aos Cetas, até o pronto restabelecimento e posterior soltura na natureza, o órgão ambiental fez a aquisição de uma balança digital, diversos aquários, estantes, mesas, freezer e um processador que ajudará no preparo da alimentação servida aos animais que recebem tratamento na unidade.

Segundo o Diretor-Presidente da Adema, Gilvan Dias, a compra dos materiais contribuirá significativamente para as atividades desenvolvidas pelos profissionais do centro. “A cada semana temos aumento no número de animais que são entregues voluntariamente, resgatados e apreendidos por nossas equipes, e, quase sempre alguns deles são encaminhados para o Cetas a fim de receberem cuidados a curto, médio ou longo prazo. Esses equipamentos serão de grande importância e facilitarão o tratamento dispensados aos bichos antes da devolução aos seus habitat”, ressalta.

Última atualização: 5 de outubro de 2021 18:23.

Pular para o conteúdo